Iate Ema

Iate encalha no ilhéu Raso: Mau tempo estará na origem do acidente

Um veleiro alemão de nome Ema encalhou anteontem à noite no ilhéu Raso. O mau tempo estará na origem do acidente, que aconteceu por volta das vinte horas.

Conforme o tripulante relatou às autoridades marítimas em S. Nicolau, sentiu que algo não estava a funcionar bem no motor, foi verificar o que se passava e em questões de minutos o iate foi arremessado para cima dos rochedos. O mar estava agitado, atirou o barco para cima das rochas, provocando sérios danos ao casco. Aliás, como o proprietário disse ao subchefe principal da Polícia Marítima em S. Nicolau, ilha para onde foi transportado por pescadores da zona da Salamansa, o veleiro já não tem recuperação.

Foto fornecida por Exequiel Conde

“Ele voltou ao local para ver o estado do iate, mas disse que já não há hipotese de ser resgatado”, informa Jorge Miranda Natividade. Este policial acrescenta que o iate Ema foi encontrado ancorado numa baía da ilha protegida de Santa Luzia e foi aconselhado pela Guarda Costeira a regressar a S. Nicolau, onde fez o desembaraço. Foi durante a viagem que acabou por sofrer o encalhe. Por sorte, o velejador alemão de 70 anos, que não sofreu ferimentos, foi encontrado por pescadores da Salamansa que o levaram para S. Nicolau, ilha onde ainda se encontra.

KzB

 2,344 total views,  2 views today

Partilhe esta Noticia!
Tags: No tags

Leave A Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *